Início » News » Xiaomi Black Shark 2 tem resfriamento liquido e controle “igual” Nintendo Switch

Xiaomi Black Shark 2 tem resfriamento liquido e controle “igual” Nintendo Switch

Por
18 de março de 2019 às 3h27

No mesmo dia em que lança o Redmi 7, a Xiaomi também anunciou hoje (18) seu novo smartphone gamer, o Black Shark 2. Ele vem com mudanças pontuais em relação ao modelo anterior.

O processador é o Snapdragon 855, o mesmo usado no Xiaomi Mi 8, tem até 12 GB de memória RAM LPDDR4X e até 256 GB de armazenamento interno UFS 2.1.

Xiaomi Black Shark 2 te sistema de refrigeração novo

A cereja do bolo, para dar jus ao nome de smartphone gamer, é o novo sistema de refrigeração líquida que chega a diminuir até 14º C  temperatura através de dissipação de calor.

No que isso ajuda em jogos? Simples, quando um CPU e/ou GPU esquentam automaticamente o clock de trabalho das mesmas diminuem, com isso perdendo desempenho. Mantendo a temperatura máxima, mesmo depois de bastante tempo jogando, o processor e GPU continuarão funcionando em quase seu máximo.

O Xiaomi Black Shark 2 é otimizado para games

Na parte de construção e design, o Black Shark 2 mudou também. Agora a câmera treaseira fica no canto superior esquerdo na vertical.

Black Shark 2 xiaomi

Xiaomi Black Shark 2 (Imagem: Reprodução/Tek.Sapo)

Já na parte traseira, o aproveitamento é muito bom, melhor que os antecessores. Além de não possui notch, agora ele possui um leitor de impressões digitais por baixo da tela.

Essa tela possui um sistema de sensibiilidade à pressão semelhante ao 3D Touch da Apple. O uso aqui é configurar diferentes partes da tela para diferentes níveis de pressão da mesma para funcionalidades nos jogos.

Falando em tela, ela é de AMOLED e possui 6.4 polegadas com taxa de atualização de 60 Hz e resolução Full HD+ (2340×1080 pixels). Essa taxa de atualização é feita exclusivamente pensando nos games.

Um detalhe interessante é um botão que serve para desativar todas as notificações  e, automaticamente, otimiza o processador para entregar o máximo possível de perfomance. Além é claro de evitar distrações durante a jogatina.

Black Shark 2 controle

Para fechar as otimizações gamers, é possível conectar um joystiq diretamente na porta USB-C para determinados jogos, inclusive rola até uma parceria com a desenvolvedora Gameloft. Ele irá se encaixar de modo parecido com Nintendo Switch, num sistema semelhante ao oferecido na versão Helo, refere o GizChina.

Ele possui uma bateria de 4.000 mAh e suporte ao carregamento rápido de 27 Watts. Segundo a Xiaomi, é possível conseguiur 30 minutos jogando após apenas 5 minutos de carga.

Outro aspecto interessante da bateria é que ela se aproveita do resfriamento. Chamado Liquid Cooling 3.0, é possível usar o Black Shark 2 mesmo quando o mesmo estiver carregando. Embora não aconselhamos isso, pelo risco de se usar um smartphone conectado a energia elétrica.

Outro destaque dele é o suporte ao carregamento rápido de 27 Watts que permite que os jogadores possam ter acesso a 30 minutos de jogatina com apenas 5 minutos conectado na tomada. No quesito bateria, ele tem 4000 mAh, e com o novo sistema de dissipação de calor, é possível usar o Black Shark 2 ao mesmo tempo em que ele está carregando.

Xiaomi Black Shark 2 – Ficha técnica

  • Tela AMOLED de 6.4 polegadas com taxa de atualização de 60 Hz e resolução Full HD+ (2340×1080 pixels)
  • Chipset Snapdragon 855 com GPU Adreno
  • Versões com  6, 8 ou 12 GB de memória RAM LPDDR4X 2133 mHz
  • Versões com 128 GB ou 256 GB de espaço pra armazenamento interno UFS 2.1
  • Câmera traseira dupla:
    • Sensor principal de 12 megapixels f/1.75
    • Sensor secundário telephoto de 12 megapixels f/2.2
  • Câmera frontal única de 20 megapixels f/2.0
  • Bateria de 4000 mAh
  • Dimensões: 163,61 x 75,01 x 8,77 mm e peso de 205g

Com informações do Tek.Sapo

Matérias relacionadas

Deixe uma resposta