Notícias Dicas Marcas Reviews Contato
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages
dicas
videos
tecnologias
noticia
servicos
empresa
analises

Início » Xiaomi planeja fabricar smartphones no Brasil

Xiaomi planeja fabricar smartphones no Brasil

DL encomendou um estudo para viabilizar, ou não, a vinda de uma fábrica da Xiaomi para o Brasil.
Por | 19 de fevereiro de 2020 às 11:19
Xiaomi Mi store

A Xiaomi voltou em 2019 ao Brasil graças a uma parceria com a empresa brasileira DL. Desde a chegada, já são mais de 260 produtos diferentes importados legalmente para o Brasil, com garantia e aprovação da Anatel. Embora não tenha agradado tanto os fãs mais fervorosos da marca, graças ao preço alto quando comparado com a importação de produtos, a empresa vem se estabelecendo e vendendo bem. Um próximo passo seria a produção local, e eles pensam nisso.

Em entrevista ao Mobiletime, o head da Xiaomi no Brasil, Luciano Barbosa, comentou sobre um estudo que a DL está fazendo um estudo que está avaliando todos os prós e contras de ter fabricação própria por aqui. O estudo tem data de finalização para maio.

Durante a entrevista, Luciano destaca que o custo Brasil e a alta do dólar impactariam muito na produção local. Mesmo assim, ele acredita que as vendas locais da empresa irão melhorar. Segundo ele, os consumidores brasileiros tem muito em mente a fama da Xiaomi de ter um excelente custo x beneficio lá fora, porém, ao comparar com o preço local deles a diferença é muito grande.

Luciano-Barbosa-768x512Luciano Barbosa, head da Xiaomi Brasil

Mas ele acredita que as dificuldades de importar, como a possibilidade pagar taxa a receita federal, gradualmente vai fazer com que a prática de importação diminua.

Já se referindo ao dólar, ele enfatiza que prejudica sim, porém é algo que prejudica toda a concorrência e não só a Xiaomi.

Fábrica da Xiaomi no Brasil

A DL, que representa atualmente a Xiaomi no Brasil, encomendou esse estudo de viabilização. Embora nada tenha sido decidido, ao final de maio, o estudo será entregue e, dependendo do resultado, a Xiaomi poderá produzir localmente.

Ele destaca que a ideia é começar com alguns produtos e, gradualmente, ir aumento o porrifólio. A operação seria conjunta com a importação praticada agora.

Atualmente no Brasil, são mais de 2,5 mil pontos de vendas da Xiaomi, que incluem suas duas lojas próprias em SP, e de lojas parceiras como as Casas Bahia, Pernambucanas e outras lojas varejistas.

Mais sobre: Xiaomi,
ARTIGOS RELACIONADOS
LEIAM TAMBÉM
O que é o Dia da toalha e do orgulho Nerd comemorado hoje?

O que é o Dia da toalha e do orgulho Nerd comemorado hoje?

por Especial
O Dia do orgulho Nerd, ou Dia do orgulho Geek, é um dia comemorado todo dia 25 de maio no mundo ...
Leia Mais
Quem é Marvin, o Androide Paranóide?

Quem é Marvin, o Androide Paranóide?

por Especial
Hoje, dia 25 de maio, é comemorado o dia do orgulho Nerd, e uma das maiores referências para a data, ...
Leia Mais
10 filmes novos para assistir agora no Amazon Prime Video

10 filmes novos para assistir agora no Amazon Prime Video

por Especial, Listas
Principal concorrente do Netflix, o Amazon Prime Video vem ganhando espaço no Brasil, principalmente pelo preço abaixo do concorrente. O ...
Leia Mais
WhatsApp: como fazer chamada de vídeo com 50 pessoas! (qualquer um)

WhatsApp: como fazer chamada de vídeo com 50 pessoas! (qualquer um)

por Dicas de tecnologia
Ontem o Facebook anunciou o Messenger Room, que é capaz de fazer uma chamada de vídeo com até 50 pessoas ...
Leia Mais
Messenger Room com 50 pessoas

Facebook Messenger Rooms: 10 recursos que você deve conhecer do rival do Zoom

por Especial, Listas
Embora o Zoom tenha tomado medidas eficazes  para resolver problemas de segurança e privacidade, muitos usuários estão procurando alternativas para ...
Leia Mais