Galaxy S7 vs Galaxy S8, vale trocar o velho pelo novo?

galaxy s7 vs galay s8

Ontem a Samsung anunciou a chegada dos Galaxy S8 e S8 Plus. Eles trouxeram muitas novidades, principalmente relacionada a tela e segurança. Por outro lado, embora tenha dado uograde de processador, na prática a evolução em termos de hardware não deverá ser sentida por usuários, ou seja, a perfomance continuará excelente. Mas então surge a pergunta: Galaxy S7 vs Galaxy S8, vale trocar o velho pelo novo?

Vou ser direto: Não, não vale. A não ser que você tenha o valor astrômico que ele deverá custar, nada menos do que 4 Mil Reais na versão mais simples, na prática e uso diário provavelmente o que você vè no Galaxy S8 você terá no S7. Antes, vamos dar uma olhada no infográfico abaixo, feito pela própria Samsung, onde mostra os dados entre o Galaxy S7 vs Galaxy S8 e Galaxy S7 Edge vs Galaxy S8 Plus.

galaxy s7 vs galaxy s8

Galaxy S7 vs Galaxy S8: Vale a pena a troca?

A única grande diferença é na questão da tela. Ela é muito maior e o aparelho continua praticamente do mesmo tamanho. Porém, fora isso há a tela Edge, que agora ficou com o nome de tela infinita. É novo? Não, pois é exatamente igual ao Galaxy S7 Edge, porém maior. Ou seja, não vai fazer muita diferença usar o S8 ou o S7 Edge. Já no Flat, ai talvez faça diferença. Mas falo uma coisa, já tive o S7 Edge e agora tenho o S7. Faz diferença que justifique o preço? Não. Embora seja sim mais legal, no dia a dia a tela Edge nem é tão produtiva.

Para manter o tamanho, sacrificaram o botão home. Eu, particularmente prefiro botao fisíco ao virtual. Questão de gosto. O leitor digital foi para trás. Eu prefiro na frente, questão de gosto. Mas na frente ou atrás também não vai mudar sua vida.

Novo assistente virtual. A Samsung anunciou o Bixby, novo assistente virtual para competir com a Siri, cortana e compania. Eu tenho opinião formada sobre esses assistentes: São legais, funcionais, mas não muda em nada a vida de ninguém. O conceito de interação que o Bixby terá com o smartphone, e não apenas responder perguntas, é muito interessante. Mas só testando para saber se realmente é um diferencial.

Dex. O modo desktop do S8 é legal, mas através de bluetooth e cabo dá para fazer isso com qualquer Android. Óbvio que facilita basntante. Mas ainda acho algo dispensável no dia a dia. Fora que não vai ser barato.

Câmeras. A câmera principal não fo alterada. É o mesmo sensor e lente utilizado no S8, ou seja não justifica a troca. A mudança foi na câmera frontal que ganhar mais Megapixels, que não significa nada, e melhorou a abertura que também é de f/1.7. É uma boa melhora, mas não justifica a troca de um aparelho todo. A melhoria que teve foi de software, porém, provavelmente, essas mudanças de software virão em algum momento para o S7 em forma de atualização.

A bateria piorou. Comparando o S8 normal com o S7 Flat, a quantidade de mAh continua a mesma. Porém há uma tela maior e resolução maior. Embora o processador fabricado no processo 10 nn seja mais econômico, eu tenho a leve impressão que ela vai piorar. No caso do S8 Plus comparado com o S7 Edge, a bateria até diminuiu.

Hardware. Os novos processadores, tanto o Qualcomm, como o Exynos que virá para o Brasil são de fato melhores. Mas na prática, no dia a dia, o Galaxy S7 tem hardware para pelo menos uns 2 anos ainda, sem travamentos. Sendo assim, serão raras as aplicações ou atividades que exigirão todo o poder de fogo do S8. Além disso a quantidade de RAM continuou 4 GB e o armazenamento, pelo menos, duplicou. Mas mais uma vez não justifica o preço ou a troca.

Conclusão. Se você gosta de novidades, compre o S8 e seja feliz. É óbvio que você não vai se arrepender. Agora, se você não é tão consumista mas mesmo assim prefere ter o que há de melhor. Esse é o melhor momento de você comprar o S7. Um smartphone excelente, câmera excelente e hardware poderoso. O S8 deve chegar em Maio no Brasil, nesse meio tempo o preço do S7 deverá despencar. Então agora é a hora.

André Luiz

Depois de mais de uma década trabalhando com eletrônica e telecom, resolveu escrever sobre tudo o que já havia aprendido. Assim nasceu o Tekimobile.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *