Android One: o que exatamente é? Algumas dúvidas respondidas

Moto One android one

Bom, devemos concordar que o sistema operacional Android atualmente é o mais utilizado no mundo. O principal motivo é sua liberdade, acessibilidade e praticidade. Por isso varias fabricantes o adotaram como sistema operacional de seus Smartphones. Mas é o Android One, o que é exatamente?

Entretanto, essa sua liberdade fez que com que as empresas criassem versões customizadas do Android.

A Samsung, por exemplo, possui a Samsung Experience e também a OneUI que é a mais recente da empresa. A Xiaomi com sua MIU; Huawei possui a EMUI; a  LG com a LG UX e a Sony a XperiaUI. Citando alguns exemplos.

Leiam também | Samsung apresenta a Samsung One UI

samsung one ui vs android one
Interface customizada Samgung One UI

Mas nem tudo são flores. Devido a essas implementações de interfaces e recursos, surgem dificuldades na hora de atualizar os dispositivos. Isso acaba causando o problema da fragmentação no sistema, que afeta o sistema operacional Android como um todo.

Com isso em mente, a Google resolveu lançar o programa Android One. Se trata de uma versão do Android limpa e com a ideia de receber atualizações rápidas.

O que é o Android One

Bem, pelo nome as pessoas podem não entender muito bem do que se trata, mas como foi dito anteriormente, o Android One é uma versão limpa do sistema o mais próximo possível do puro.

Assim ela possui apenas aplicativos essenciais do Google instalados, sem personalização das fabricantes. Entretanto, algumas fabricantes adicionaram alguns recursos extras, como no Motorola One que tem o recurso da Moto Tela, por exemplo.

 

O Android One foi lançado em 2014 com a ideia de trazer um Android limpo para dispositivos de entrada e com hardware mais modestos para mercados emergentes como Índia, Indonésia e outras regiões da Ásia.

Com o crescimento do Android, a necessidade do crescimento do Programa Android One também se foi necessário além dos smartphones básicos. Esse foi o motivo que em maio de 2017 o Google iniciou o projeto Android GO. Esse já é um “Spin-off” do Android One, pois se trata de uma versão ainda mais limpa para dispositivos de baixo custo, substituindo o lugar da ideia original do Android One.

Seria um desperdício a  Google abandonar o projeto Android One no limbo, foi então que surgiu a oportunidade de lançar dispositivos com a interface pura do Android.

Porém, ele não é mais restrito a apenas dispositivos de entrada. O Programa Android One substituiu o antigo programa Google Play Edition (GPE) dos smartphones, onde o objetivo era o mesmo.

Porque usar um Smatphone com Android One

Pra começar, o Android One é uma versão bem limpa do sistema, com quase nenhum app adicionado, que poderia causar lentidões no seu smartphone.

Essas modificações de interface e recursos tem sim um impacto na performance do dispositivo, mas não fique assustado de ser uma versão “pura” do Android. Mesmo puro, você ainda terá acesso a tudo que você gosta em um dispositivo Android One.

Nele estão presente, por exemplo a Assistente do Google, Google Lens e todos os recursos nativos do Android.

Outro motivo para se usar dispositivos com Android One é a velocidade na disponibilidade das atualizações. Por anos os smartphones Android sofreram com o tempo das atualizações do Android que costumavam sair somente meses depois ou até 1 ano depois do lançamento pelo Google.

Mas agora, no Android One, o Google garante 2 grandes atualizações, ou seja, se o dispositivo for lançado com o Android Pie, ele será atualizado para o Android Q e R respectivamente. Além disso, esses dispositivos também contam com suporte as atualizações mensais dos pacotes de segurança de até 3 anos a partir da sua data de lançamento.

Quais Smartphones suportam o Android One?

Você provavelmente ficou alegre com essa iniciativa, não é? Felizmente, já tem várias empresas que tem dispositivos rodando Android One. No Brasil, por exemplo, temos o Motorola One. Ele foi o primeiro smartphone a trazer o Android One para o país.

Nokia android one
Nokia está apostando alto no Android One

Fora do país, temos o Asus Zenfone Max Pro (M1) e o LG G7 One. Mas uma empresa que vem apostando bastante nele é a Nokia>Ela atualmente tem vários aparelhos rodando o sistema, como o Nokia X6.

Leiam também | Review do Nokia X6, a gigante está de volta?

De qualquer forma, as empresas estão abraçando a ideia e lançando dispositivos rodando a versão mais limpa do sistema. Tudo isso também graças ao suporte continuo do Google, e parece que só agora que finalmente o projeto começou a andar.

Mas e você? já tem um dispositivo rodando Android One ou ficou feliz com este projeto? conta pra gente aqui nos comentários!

Rodrigo Rodrigues

Amante do Android, começou no 2.3.6 e desde então adquiriu conhecimento na área. Desde a infância demonstrou muito interesse por tecnologias, como celulares, videogames e PC's.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *