Início » Listas » 7 principais recursos da MIUI 11 da Xiaomi (testado no Redmi Note 7)

7 principais recursos da MIUI 11 da Xiaomi (testado no Redmi Note 7)

A nova ROM MIUI 11 é compativel com smartphones da Xiaomi rodando o Android 9 ou Android 10, confiram principais recursos.
Por | 4 de novembro de 2019 às 15:31
miui 11 destaque

A MIUI talvez seja a mais famosa, e adorada, customização do Android, é praticamente um novo sistema. A cada atualização, a Xiaomi consegue colocar novidades que chegam antes mesmo do Google colocar no Android em si. Com a recém chegada da MIUI 11 para um seleto grupo, ela já recebeu dois prêmios de design Red Dot pelo novo visual e efeitos sonoros.

Quer saber o que a MIUI 11 traz de novo? Iremos mostrar nesse artigo algumas das principais novidades que a ROM trouxe para os smartphones da Xiaomi. Testamos uma versão instaladda em um Redmi Note 7 nas últimas semanas e aqui ficam nossas opiniões.

1. Modo Escuro

Vamos começar nossa lista dos melhores recursos do MIUI 11 com o Modo escuro. O queridinho da atualidade, ele chega de maneira oficial na MIUI 11 e com suporte a todos os aplicativos que já suportam o modo.

A MIUI 11 traz um modo escuro para todo o sistema que torna a tela preta com textos em branco, para facilitar a visualização em ambientes com pouca luz. O Modo Escuro tem outro benefício — consome menos energia e amplia o a duração da bateria de smartphones que possuem telas de AMOLED ou OLED.

2. Novo design minimalista

Outra mudança que você notará no MIUI 11 é o novo design, que os Mi Fans apreciarão com certeza. Comparado à geração anterior da MIUI; o software mais recente é menos confuso, melhor organizado, oferece animações fluidas e controles de toque aprimorados.

O menu Configurações também foi atualizado com fontes um pouco maiores e novos ícones coloridos que são bem agradáveis aos olhos.

3. Escala de fonte dinâmica

A Xiaomi diz que a MIUI 11 é a única ROM personalizada do mundo com o recurso de dimensionamento dinâmico de fontes. Isso está sendo apelidado de Milan Pro, e, basicamente, permite que você altere a espessura das fontes conforme sua preferência usando um controle deslizante. A espessura do texto pode ser ajustada com base no nível do conteúdo, para que seja facilmente legível por todos.

4. Mi Share

O Mi Share é um dos principais recursos da MIUI 11 que permite aos usuários transferirem arquivos de maneira uniforme pela plataforma. Em resumo, é um AirDrop para Android, que a Xiaomi desenvolveu em colaboração com OPPO e Vivo. Já comentamos sobre ele há um tempo.

Diz-se que a tecnologia entre essas marcas transferem arquivos rapidamente (até 82Mbps). Você pode encontrar o Mi Share no menu “Conexão e compartilhamento” na página Configurações.

5. Muitas predefinições no Always on display

Sua tela de bloqueio não será mais a mesma, já que o MIUI 11 inclui várias opções de personalização para o Always on display – conteúdo que fica sempre na tela quando ela está desligada.

Os usuários têm a opção de escolher entre relógios animados, planos de fundo coloridos e a capacidade de digitar suas próprias frases para aparecer na tela.

Vale lembrar que, o recurso está disponível apenas nos smartphones que apresentam uma tela AMOLED, como as séries Mi 9 e Redmi K20.

6. Som ambiente

A Xiaomi introduziu um novo efeito sonoro ‘dinâmico’ com o MIUI 11. Dinâmico porque ele pode reproduzir sons com base na hora e no humor do dia. A interface do usuário oferece toque do nascer do sol para a manhã e pôr do sol para a noite.

Ele pode até detectar chamadas de spam, entregas e etc, tocar toques diferentes de acordo, automaticamente. Você pode definir esses toques que se assemelham aos sons da natureza para alarmes e notificações.

7. Novo modo de bateria

A MIUI 11 possui um modo de economia de bateria ultra para quando o telefone está com pouca bateria. O modo, como o nome sugere, desativará todos os aplicativos que consomem energia em execução no plano de fundo e no desempenho do dispositivo, a fim de deixar a funcionalidade básica (por exemplo, chamadas, SMS e conexão à rede) disponível o maior tempo possível.

Além disso, diminui o brilho da tela e ativa o tema escuro. A Xiaomi afirma que você pode continuar por um dia inteiro se tiver apenas 5% da bateria restante com o modo Ultra Battery Saver ativado. Exageros a parte, o modo Economia de bateria ultra pode ser ativado no aplicativo Security – Battery.

Essas foram algumas das grandes adições do MIUI 11, compatíveis com o Android 9 Pie e o Android 10 nos smartphones Xiaomi.

Além disso, também existem pequenos complementos no firmware – como o Kids Mode para “aplicativos educacionais e de entretenimento de alta qualidade projetados para crianças” (sendo testado na China); um novo teclado mint que suporta idiomas índicos, incluindo hindi, bengali, marata e mais 25; e um contador de passos embutido.

ARTIGOS RELACIONADOS
LEIAM TAMBÉM
Galaxy Fold chega por incríveis R$ 13 Mil

Galaxy Fold chega por incríveis R$ 13 Mil

por Noticias
A Samsung anunciou hoje no Brasil o Galaxy Fold, seu primeiro smartphone dobrável, por R$ 13 Mil. Você não leu ...
Leia Mais
ebanx go

Abra conta digital Ebanx Go e ganhe 5% no AliExpress e Gearbest

por Noticias
O segmento de contas digitais vem crescendo no Brasil. A Ebanx, anunciou ontem (16) a estreia de sua conta digital ...
Leia Mais
MediaTek lança processadores Helio G70 e G70T gamers

MediaTek lança processadores Helio G70 e G70T gamers

por Noticias
A Mediatek anunciou ontem dois novos processadores intermediários focado em smartphones gamers: o Helio G70 e Helio G70T. Eles ficam ...
Leia Mais
mi store brasil

MI Store Brasil: o golpe se concretizou, loja some com dinheiro de clientes

por Noticias
Mais uma loja brasileira dedicada a Xiaomi está sendo acusada de golpe. Assim como a já fechada Xiaomi BRZ, agora ...
Leia Mais
galaxy-s20-plus

Galaxy S20+: confiram a primeira foto do modelo

por Noticias
E o primeiro Galaxy S20 tem imagens divulgadas. Um mês antes do lançamento oficial do sucessor do Galaxy S10, hoje ...
Leia Mais
Carregando...;