O Sony Xperia Z1 é o aparelho top de linha da Sony não só no Brasil, mas no mundo todo. Ele veio para substituir o Xperia Z e o Xperia ZQ que foi lançado no Brasil. Do Z, ele herda a resistência a água e poeira e do Xperia Z Ultra ele herda praticamente todo o hardware e design, com exceção da câmera que a Sony fez questão de caprichar. Além disso possui um processador super potente e tela com resolução full HD. Como destaque há também sua câmera recheada de recursos e lente com grande abertura. Vamos ver mais detalhes no Review Xperia Z1.

Hardware

O Xperia Z1 está entre os mais poderosos atualmente. Disputa o posto juntamente com o LG G2 e o Galaxy Note 3. O destaque vai para seu processador Snapdragon 800. Abaixo uma lista com resumo de suas especificações:

  • Processador Quad-core de 2,2 GHz
  • 2 GB de memória RAM
  • GPU Adreno 330
  • Câmera de 20,7 Megapixels com gravação em full HD
  • Câmera frontal de 2 Megapixels com gravação full HD
  • Acabamento de vidro na frente e atrás e bordas de aluminio
  • 16GB de armazenamento mais cartão micro SD
  • Tela de 5 polegadas com resolução full HD 1080 x 1020 pixels de LCD com tecnologia Triluminous
review xperia z1 - agua
review xperia z1 review xperia z1

Eu particularmente gostei muito do tamanho da tela dele, pois ele não entra em “conflito” com os chamados fablets. E com seu tamanho reduzido, você fica com uma das melhores máquinas no bolso sem se preocupar com o tamanho que ele vai ocupar ao ser carregado. Vamos ver outros aspectos dele nesse Review Xperia Z1.

Review Xperia Z1 – Design e construção

Não é segredo para ninguém que a Sony é uma das melhores, se não a melhor, no quesito design e também nos materiais utilizados para construção dos seus aparelhos. Ele basicamente segue o mesmo padrão de acabamento do Xperia Z Ultra, o mini tablet da empresa. Tanto na frente como na parte traseira ele é inteiro de vidro. Já suas bordas são de alumínio, ou seja, nada de plástico no aparelho.

review xperia z1 - lateral
review xperia z1

Ele é um aparelho bem fino, tem apenas 8.5 mm de espessura. De altura possui 144mm e de largura 74 mm. Por outro lado, como é feito de vidro e alumínio ele não é exatamente o mais leve dos aparelhos, possui 170 gramas.

review xperia z1 - conector
review xperia z1

Na parte inferior há o alto falante do aparelho. A posição pode atrapalhar um pouco, já que dependendo da posição que você segura o aparelho, sem querer você pode abafar totalmente o som dele. No vídeo review demonstro isso.

review xperia z1 - alto falante

Todas suas entradas possuem tampinhas de borracha, afinal o aparelho é a prova d’agua e de poeira. Ele aguenta até 3 metros de profundidade durante meia hora, em água doce. A Sony não aconselha a usá-lo em água salgada. Mas é tudo bem feito e encaixa perfeitamente. Em questão de acabamento, o único que chega perto do Xperia Z1 atualmente é o iPhone 5S, mas ainda é inferior ao smartphone da Sony.

review xperia z1 - destaque

Review Xperia Z1 – Software

A Sony colocou o Android 4.2 no Xperia Z1, ou seja, em época que já temos o Android 4.4 KitKat, um dos aparelhos mais potentes do mercado ainda está atrasado. Porém, a Sony “prometeu” atualizar o Xperia Z1 ainda esse ano, bem como o Xperia Z Ultra. A interface da Sony é totalmente customizada e trás alguns aplicativos nativos da própria Sony.

review xperia z1 - interface

A Sony trás um pacote de apps bem completo que dispensa baixar aplicativos essenciais na Google Play. Há o tradicional Walkman para reprodução de músicas, o TrackID para identificar as músicas, o Socialligre que é um hub para redes sociais,  Sony Select que trás dicas de aplicativos na Google Play e outros apps que na verdade não serão usados por ninguém. Ele também traz a já tradicional linha de mini apps que ficam abertos e fixos na tela enquanto você faz outra coisa.

review xperia z1 - appsAlém disso ele possui um aplicativo para TV, já que o Xperia Z1 é o único topo de linha do mercado com essa função no Brasil. Porém não tem como comentarmos muito pois o aparelho enviado para nós não veio com antena. No geral a interface da Sony é bem rápida e não compromete em nada a usubilidade do aparelho, afinal o hardware é tão potente que isso não faria diferença.

O destaque vai para o menu de aplicativos herdado do Z Ultra (screenshoot ao lado), nele você tem uma barra lateral, acionada por um movimento Swype na tela. Nela você tem várias opções como buscar apps, filtrar por ordem alfabética e ainda desinstalar os mesmos. Isso é muito útil para quem tem zilhões de apps instalados no aparelho.

Review Xperia Z1 – Desempenho

Nem preciso falar que ele é extremamente eficiente no desempenho. Não existe absolutamente nada que o Android faça que o Z1 não faça. Qualquer jogo ou aplicativo desenvolvido para Android irá rodar perfeitamente nele sem o minimo de engasgos. Nem adianta eu ficar falando o que ele roda pois seria óbvio. Um resumo da potência do Xperia Z1 é sua perfomance no app Antutu Benchmark onde ele supera facilmente os 30 mil pontos, ficando abaixo apenas do Galaxy Note 3 da Samsung, mas a diferença é minima entre eles, imperceptível.

review xperia z1 - becnhmark

Review Xperia Z1 – Tela

A Tela do Sony Xperia Z1 é muito boa, mas não excelente. Por mais que a Sony invista em tecnologia de software em suas telas, seja a Bravia Engine, seja a Triluminous que foi usada no Z1, enquanto a tela utilizada for a comum de TFT, ela sempre ficará um passo atrás das outras fabricantes que há tempos já adotaram telas de AMOLED ou IPS.

review xperia z1 - camera

Note que não estou dizendo que a tela é ruim, pelo contrário, possui um ótimo brilho (grande ponto fraco do anterior Z e ZQ) bom contraste e boa nitidez. Mas colocar ela lado a lado com o LG G2, que usa IPS, ela ainda é inferior. Debaixo do sol dá para enxergar bem, porém é bem mais difícil do que em uma tela de Super AMOLED utilizada nos tops da Samsung.

Eu sei que alguns vão discordar, principalmente os donos, mas estou falando isso pois tenho todos esses aparelhos para testar lado a lado, ao fazer isso a diferença é bem visível aos olhos.

Review Xperia Z1 – Câmera

É esse o momento que o Xperia Z1 se sobressai diante dos seus concorrentes que usam Android (pois ainda está atrás dos Lumias tops). Ela possui resolução de 20.7 Megapixels. Embora Megapixels não seja sinal de qualidade, com esse tamanho dá para dar bons Zooms nas fotos tiradas a distância. O destaque vai para seu sensor de 1/2.3 que é cerca de 70% maior do que os sensores na maioria dos celulares atualmente. Isso na prática significa que ela consegue absorver mais luz e consequentemente tirar melhores fotos em ambientes pouco iluminados. Além disso ele usa a tecnologia Sony G Lens com F/2. O sensor é um Exmor RS Sony e possui um processador dedicado a imagem, um Sony BIONZ.

Além disso, é possível tirar fotos até debaixo da água, e com boa qualidade.

review xperia z1 - fotos
Foto tirada imerso na água

Ela também possui um bom macro que há tempos não vejo em Androids. Ainda possui função de tirar fotos em panorama, HDR e outras tantas funções no seu recheado app de câmera.

review xperia z1- fotos review xperia z1 - fotos review xperia z1 - fotos review xperia z1 - fotos

A Sony desenvolveu um aplicativo de câmera personalizado que oferece controles manuais e impressionantes características de realidade aumentada através de 4 aplicativos dedicados.

review xperia z1 - ar effect

Para iniciantes isso pode incomodar um pouco, pois são muitas funções e é meio chato aprender mexer em tudo no começo.

Review Xperia Z1 – Vídeo Review

Review Xperia Z1 – Conclusão

O Sony Xperia Z1 é um aparelho mais que completo para os padrões de hoje, sendo que tudo isso custa caro, muito caro. Atualmente ele custa oficialmente 2499 Reais, mas facilmente você encontra promoções com o preço bem inferior a isso, na casa dos 2 mil Reais.

Se você procura um smartphone que reúne o que há de melhor em tecnologia mobile, que tenha um acabamento premium e ainda com alguns mimos que são a TV digital e a resistência a água e poeira, esse pode ser seu aparelho. Competindo com ele há hoje o LG G2 e o Galaxy Note 3, mas esses não possuem o mesmo acabamento, não possuem TV e não são resistentes a água. Então, se você pode investir em um smartphone desse preço, o Xperia Z1 sem dúvidas será uma excelente opção.

Nota do editor – As fotos tiradas acima foram na Pousada das Amoras, em Buzios. É um excelente local familiar administrado pelos donos, o casal simpaticíssimo Cláudio e Ignês que nos faz sentir em casa. Além disso, lá conhecemos a familia Muller, que também estavam hospedados na pousada. Eles são autoridades no assunto e também a recomendaram! 

13 Comentários

  1. To com uma duvida gigantesca entre o Z1, o Moto X e o Nexus 5, mas depois dos reviews internacionais fiquei desapontado com o N5, alem de que ele vai demorar e eu queria trocar meu G. Nexus ainda este ano. E aí André qual vc me aconselharia?

    P.S.: Acompanho o Tekimobile a tempos, desde a interface antiga, começo de 2012 (lembro ate q vc fazia reviews pro tudo celular) e gosto muito do Tekimobile e de seus reviews. Parabéns!

  2. Review completo, mas você ficou falando em "galaxy Nexus 3" no vídeo a partir dos 03:00. Só pra você se ligar mesmo, mas gostei muito do tópico, apresentou muito bem o aparelho

Deixe uma resposta