A Lenovo lançou ontem no Brasil seu segundo smartphone: o Lenovo K5. Um intermediário muito bem construído e custando R$ 999. É um excelente smartphone e veio competir com vários aparelhos, principalmente o líder do segmento, o Moto G. O problema é que ambos são feitos pela Lenovo. Por isso ainda é confusa a situação da Lenovo.

Lenovo K5 frente
Lenovo K5 tem visual compacto

Por mais que os executivos da Lenovo tentem, é difícil entender a co-existência das marcas Lenovo e Moto (Motorola). Ainda mais a Lenovo colocando um escelente smartphone como o Lenovo K5 – com veremos abaixo – para competir com o “best seller” da empresa, o Moto G. Seria isso uma “canabalização” dentro da empresa ou simplesmente um processo que culminará com o fim da marca Moto? Veremos. Abaixo uma breve análise do que já sabemos sobre o Lenovo K5. Ainda não estou com o aparelho, as informações são baseadas no teste que fiz durante o evento de lançamento.

Lenovo K5 – Design e construção

A Lenovo fez um excelente trabalho com o k5, se trata de um celular com boa construção. Ele tem o corpo inteiro de alumínio, obviamente se trata de uma liga de qualidade mediana, não é a mesma coisa que um iPhone ou outro top de linha. Mas pelo preço, está excelente. Ele é extremamente leve e tem um tamanho bem compacto com apenas 8mm de espessura.

Lenovo K5 traseira
Lenovo K5 tem corpo em alumínio

No geral podemos dizer que se trata do melhor acabamento em sua faixa de preço.

Lenovo K5 – Especificações técnicas

Ele trás um novo processador da Qualcomm, o Snapdragon 616 que possui 8 núcleos, sendo 4 de 1,5 GHz e 4 de 1,2 GHz. De memória RAM tem 2GB e de armazenamento interno 16 GB, sendo mais ou menos 11 disponíveis para o usuário, além de entrada para cartão micro SD. Abaixo suas especificações técnicas.

É uma configuração respeitável e que vai rodar praticamente tudo que existe hoje para Android, inclusive a maioria dos jogos mais pesados. Durante o evento, pude testar apenas o jogo Real Racing 3 e ele rodou muito bem, apenas o cenário que poucas vezes deu uma congelada, mas nada que interfire-se na jogatina. No vídeo abaixo mostro isso.

Não consegui instalar o Antutu, mas segundo reviews de fora do pais, o Lenovo K5 (lá fora é o K5 Plus) fez uma pontuação mediana, ficando na faixa dos 36 ~ 40 mil pontos.

Lenovo K5 alto falantes
O Lenovo K5 tem alto falantes estéreos e com tecnologia DOLBY Atmos

Um ponto interessante é que ele possui alto falantes estéreos na traseira e ainda conta com a tecnologuia DOLB Atmos, assim como acontece com o Lenovo A7010. Para um smartphone intermediáio isso é excelente.

Lenovo K5 botoes capacitivos
Botões capacitivos sem retro iluminação e com ordem invertida. Fail da Lenovo.

Um defeito, repetido do Lenovo A7010, é o fato dele ter botões capacitivos sem retro iluminação. Juntando isso ao fato da posição dos botões serem invertida comparado com outras marcas, isso é chato de acostumar.

Lenovo k5 – Software

Infelizmente ele vem rodando o Android 5.1 e, embora tenham garantido atualização para o Android 6.0, não há uma data confirmada. O mesmo vale para o Lenovo A7010.

Lenovo K5 android
Ele possui um Android quase puro, com a opção nativa de usar o Google Now Launcher

Ele possui uma opção interessante chamada “dual launcher” onde o usuário pode nativamente escolher entre o launcher padrão da Lenovo, onde não há gaveta de aplicativos e o Google Now. Como ele possui um Android quase puro, isso ajuda bastante na velocidade do aparelho.

Lenovo k5 – Câmeras

Lenovo K5 camera
Câmera principal de 13 MP e frontal de 5 MP. Mas sensor do Lenovo K5 não é dos melhores, é aceitável.

A câmera principal dele possui 13 MP, e embora possua a mesma quantidade de pixels, ela não tem o mesmo sensor utilizado no Lenovo A7010 que é tem um bom desempenho. A própria Lenovo nos admitiu que o sensor é inferior ao outro modelo, ou seja, não estamos diante de um “câmera phone”. Pelos testes que fizemos as fotos são aceitáveis. A frontal tem 5 MP.

Lenovo K5 – Vídeo com primeiras impressões

Lenovo K5 – Disponibilidade

Lembrando que o K5 já está a venda por R$ 999. Por mais R$ 100 você ainda leve um fone de ouvido original da JBL, o que acho um excelente negócio. Ele está a venda na cor prata por enquanto, mas nas próximas semas chegaram as cores dourada e preta com chumbo.

Sem comentários

Deixe uma resposta