Real Time Analytics
Android

Positivo lança Positivo Twist em 3 versões a partir de R$ 649

A Positivo anunciou ontem no Brasil o lançamento de sua nova linha de smartphones, batizada de Positivo Twist. A linha é composta por três modelos. O diferencial ficar por conta da opção de capa colorida extra na caixa, podendo ser dourada, azul ou vermelha. O mais barato custa R$ 649 e o mais caro sai por $ 699. Esse último é uma versão 4G que chega em breve ao mercado.

Os novos celulares Positivo Twist são dual Chip e possuem tela de 5 polegadas, mas com a ultrapassada resolução FWVGA de 854 x 480 pixels, ultrapassada pois a concorrência nessa faixa de preço já possuem alguns aparelhos com resolução HD. Por outro lado, eles já rodam o Android 6.0 – Marshmallow. O processador é um  processador quad-core de 1.3GHz na versão 3G e 1.0GHz na versão 4G, conectividade Wi-Fi e Bluetooth, conector para cartão micro SD externo até 32GB e micro USB (2.0) para dados, cabo USB, fone de ouvido e película protetora. Sobre o processador não temos informação sobre a marca, mas é quase certeza que seja um Mediatek.

O primeiro dos modelos, o Positivo Twist M, tem o diferencial de vir com armazenamento interno de 16 GB, contra apenas 8 GB do Twist S.

Já o Positivo Twist S tem como diferencial a câmera frontal de 8 MP, ideal para quem é viciado em fazer selfies. Segundo a Positivo, ele conta com muitos recursos para melhorar a experiência da fotografia, como o detector de rosto e sorriso com efeito de cores, balanço de branco e HDR (High Dynamic Range), que proporciona mais detalhes na cena, além de sair de fábrica com um bastão para tirar selfies. A câmera principal de ambos é de 8MP.

Leiam também:  Imagem vazada do Moto G5 aparecem no Brasil com especificações

A versão mais cara é o Positivo Twist 4G que tem o “diferencial” de ser 4G, como sugere o nome.

O Positivo Twist M e o Positivo Twist S chegam ao varejo a partir deste mês com preço sugerido de R$ 649. O modelo Positivo Twist 4G começa a ser vendido em breve pelo preço sugerido de R$ 699.

positivo twist
Smartphones acompanham capinha extra na caixa

Especificações técnicas do Positivo Twist

 Smartphone Positivo Twist M

  • Processador: Quad-core 1.3GHz
  • Sistema operacional: Android 6.0 – Marshmallow
  • Memória RAM: 1GB
  • Armazenamento: 16GB
  • Tela: 5 polegadas FWVGA com resolução 854 x 480 pixels
  • Portas de conexão: Conectores para cartão micro SD externo até 32GB, conector para fone de ouvido 3,5mm e micro USB para dados
  • Conectividade: 3G, Wi-Fi com roteador e Bluetooth 4.0
  • Câmeras: Frontal de 5MP e traseira de 8MP com zoom digital 4x com flash
  • Dimensões: 145mm x 72mm x 9,4mm
  • Peso: 149g
  • Acabamento: Dourado com opção de capa inclusa em vermelho ou azul

 Smartphone Positivo Twist S

  • Processador: Quad-core 1.3GHz
  • Sistema operacional: Android 6.0 – Marshmallow
  • Memória RAM: 1GB
  • Armazenamento: 8GB
  • Tela: 5 polegadas FWVGA com resolução 854 x 480 pixels
  • Portas de conexão: Conectores para cartão micro SD externo até 32GB, conector para fone de ouvido 3,5mm e micro USB para dados
  • Conectividade: 3G, Wi-Fi com roteador e Bluetooth 4.0
  • Câmeras: Frontal de 8MP e traseira de 8MP com zoom digital 4x com flash
  • Dimensões: 145mm x 72mm x 9,4mm
  • Peso: 149g
  • Acabamento: Azul com opção de capa inclusa em dourado

 Smartphone Positivo Twist 4G

  • Processador: Quad-core 1.0GHz
  • Sistema operacional: Android 6.0 – Marshmallow
  • Memória RAM: 1GB
  • Armazenamento: 8GB
  • Tela: 5 polegadas FWVGA com resolução 854 x 480 pixels
  • Portas de conexão: Conectores para cartão micro SD externo até 32GB, conector para fone de ouvido 3,5mm e micro USB para dados
  • Conectividade: 3G, Wi-Fi com roteador e Bluetooth 4.0
  • Câmeras: Frontal de 5MP e traseira de 8MP com zoom digital 4x com flash
  • Dimensões: 145mm x 72mm x 9,4mm
  • Peso: 149g
  • Acabamento: Azul com opção de capa inclusa em dourado
Leiam também:  Galaxy Note III vs Galaxy Note II, será mesmo que vale a pena trocar?

Seja o primeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Android, Samsung

Galaxy S8 e S8+ começa a receber o Android 8.0 Oreo

A Samsung normalmente começa a testar uma versão nova do Android com alguns beta testers, no caso do S8 começou…

A Samsung normalmente começa a testar uma versão nova do Android com alguns beta testers, no caso do S8 começou em Novembro. Passando a fase de testes, finalmente os usuários começam aos poucos a receber a atualização para o Android 8.0 Oreo.

O site especializado em Samsung, o SamMobile, avisa que os beta tester do Oreo para S8 já começaram a receber a atualização final. Passada essa fase, que deve ser rápida, os usuários de forma geral começarão a finalmente terem seus smartphones atualizados.

Mas antes de correr lá em configurações para atualizar seu aparelho, saiba o seguinte: como sempre a atualização é aos poucos de país em país. E, infelizmente, o Brasil costuma ficar no fim da lista.

A grande novidade que virá junto com o Android 8.0 Orei é a nova interface da Samsung. A Samsung Experience 9.0 chega com várias funcionalidades presentes no Oreo. Fazem parte disso a nova central de notificações; melhor gerenciamente da multitarefa, principalmente fechando apps sedentos de RAM que ficam em segundo plano; notificações que surgem ao pressionar e segurar algum ícone; melhorias no Always On Display, novos emojis; e por aí vai.

Usuários da geração passada ainda terão que esperar um pouco. S7 e S7 Edge já está em fase de testes, mas pela lógica depois irá para os beta testers só então para os usuários comuns, ou seja, ainda vai demorar.

Leiam também:  Samsung anuncia Galaxy Note 3 neo, versão mais barata do fablet
materia completa
Android, Samsung

Samsung apresenta Galaxy A8 e A8+ a partir de R$ 2.399

A Samsung anunciou (6) os modelos Galaxy A8 e o A8+ para o mercado brasileiro, anunciados em Dezembro lá fora….

A Samsung anunciou (6) os modelos Galaxy A8 e o A8+ para o mercado brasileiro, anunciados em Dezembro lá fora. Com visual mais próximo do Galaxy S9 que ainda não foi lançado, eles elevam o padrão e se tornam smartphones premium na construção e no preço. A grande novidade é a câmera frontal dupla.

A principal diferença entre os dois modelos é o tamanho da tela. O Galaxy A8 possui display AMOLED de 5,6 polegadas e resolução de 2220×1080 pixels; no Galaxy A8+, o tamanho sobe para 6 polegadas, mantendo a resolução. As bordas são bem finas, no que a Samsung chama de “display infinito”. Porém não tem a função Edge como a linha S. Na verdade, achei as bordas grandes se comparada com a linha S e Note, sendo assim, não acho que caberia o nome infinity display. O leitor de digitais fica na traseira, abaixo da câmera.

galaxy a8 a8+ traseira

A câmera frontal tem sensores de 16 e 8 megapixels, com lente de abertura f/1,9. O legal é que dá para tirar boas selfies com efeito bokeh, o famoso fundo desfocado. Além disso ela trás a função foco seletivo presente desde o Galaxy S6. Nele é possível escolher o foco depois de tirar a foto. Já a câmera traseira tem resolução de 16 megapixels e lente de abertura f/1,7, com estabilização digital para vídeos.

Por dentro, temos um processador octa-core Exynos 7885 com dois núcleos de alto desempenho de 2,2 GHz e seis núcleos de baixa potência de 1,6 GHz. Completam o conjunto a bateria de 3.000 mAh (A8) ou 3.500 mAh (A8+), a RAM de 4 GB e os 64 GB de armazenamento, que podem ser expandidos com um microSD (lá fora, existe uma versão de 32 GB, que não será comercializada no Brasil).

Leiam também:  Galaxy S4 deve chegar em Abril e terá caneta do Galaxy Note

A Samsung frisou que se tratam de aparelhos premium, ou seja, subiram de nível. Mas o preço também, e muito. No Brasil, os aparelhos estarão disponíveis a partir desta terça-feira (6) nas cores preto, dourado e ametista, com Android 7.1.1 Nougat e preço sugerido de R$ 2.399 para o Galaxy A8 e R$ 2.699 para o Galaxy A8+.

materia completa
Android, Aplicativos Android, google

Youtube Go! chega ao Brasil. Baixe e assista vídeos off-line

Ótima notícia: o Google disponibilizou no Brasil o app Youtube Go!, com ele é possível fazer o download e assistir…

Ótima notícia: o Google disponibilizou no Brasil o app Youtube Go!, com ele é possível fazer o download e assistir off-line vídeos da plataforma. Principalmente no Brasil onde a internet não é das melhores, é uma excelente opção para os usuários.

Para quem não se lembra, o YouTube Go funciona de forma semelhante ao aplicativo tradicional. Com ele você pode até compartilhar vídeos via Bluetooth com outro smartphone que tenha o aplicativo instalado. A diferença fica mesmo por conta da possibilidade de baixar os vídeos para assistir off-line posteriormente.

Quando o usuário efetua o download de um vídeo, o aplicativo também mostra quanto espaço aquela mídia irá ocupar no armazenamento do smartphone. Uma boa pedida para quem tem aparelhos mais básicos:

Além de todas as novidades, o aplicativo também recebeu otimizações de desempenho para poder rodar em smartphones mais simples. Isso só foi possível graças aos feedback dos usuários em países em que o app já estava disponível.

Marcella Campos, diretora de marketing do YouTube no Brasil, explica que o YouTube Go ajuda a tornar o conteúdo da plataforma mais acessível a uma grande parcela de brasileiros. Confira todas as funcionalidades do aplicativo:

YouTube Go

  • Descubra um mundo de vídeos: músicas, filmes, séries, comédia, moda, cozinha, tutoriais e muito, muito mais!
  • Baixe e assista seus vídeos preferidos.
  • Compartilhe vídeos instantaneamente – não use dados para transferir.
  • Procure por qualquer vídeo e descubra novidades.
  • App pesa apenas 8,5 MB.

Controle seus dados

  • Escolha entre baixar ou transmitir.
  • Pré-visualize vídeos antes de baixar ou assistir.
  • Selecione quantos MBs você quer gastar em vídeos.

Compartilhe vídeos instantaneamente

  • Compartilhe com seus amigos e família.
  • Transferência de vídeos não usa dados.
  • Velocidade super-rápida: envie vídeos em segundos.
  • Uma vez recebido, uma rápida verificação de segurança de 15 KB permite assistir ao vídeo.
Leiam também:  Chineses fazem smartphone mais fino do mundo com 5,5 mm

Baixe vídeos!

  • Baixe vídeos para seu telefone ou cartão microSD.
  • Assista-os sem esperar carregar.
  • Veja o que baixou a qualquer hora do dia, em qualquer lugar, até mesmo sem conexão à internet.
  • Assista aos vídeos baixados várias vezes, sem usar mais dados para isso.

Super-rápido!

Não se preocupe mais em deixar o telefone de lado enquanto um vídeo carrega.

Feito para funcionar com menos memória e velocidades mais lentas.

Funciona com versões antigas do Android, até o Jellybean (Android 4.1).

O aplicativo já está listado na Play Store brasileira e assim que o Google liberar o seu download, você poderá baixar clicando no card abaixo:

materia completa
Android, Xiaomi

5 motivos para comprar o Xiaomi Mi A1

O Xiaomi Mi A1 sem dúvidas que foi uma das maiores surpresas apresentadas no ano passado pelo mercado Chinês. Não…

O Xiaomi Mi A1 sem dúvidas que foi uma das maiores surpresas apresentadas no ano passado pelo mercado Chinês. Não é atoa que ocupa o primeiro lugar na nossa lista de melhores chineses. Mas porque ele é tão bom assim, porque tanta gente está falando dele? Confiram 5 motivos que separamos para vocês.

1 – Xiaomi Mi A1 roda Android One, praticamente um Google Pixel baratinho

O sonho de muita gente é ter um smartphone da linha Pixel do Google. Assim irá receber atualizações primeiro que todo mundo do Android, sem aplicativos duvidosos ou modificações sem sentido por parte dos fabricantes. Porém, além de não vender no Brasil, os aparelhos do Google são muito caros. É ai que entra o Android One.

xiaomi mi a1 android one

Android One é um projeto do Google em parceria com fabricantes que leva o Android Puro, direto do Google, para aparelhos mais baratos. A Xiaomi entrou na parceria e lançou o Xiaomi Mi A1. Essa é a grande diferença.

Temos um aparelho com hardwar mediano, de 2016, mas com desempenho surpreendente. Afinal, custa apenas 700 Reais. Ele já está rodando o Android 8.0 Oreo, e receberá muitas atualizações pelo menos por uns 2 anos.

2 – Câmera acima da média da categoria

O Xiaomi Mi A1 tem uma câmera acima da média. Obviamente que não estou falando que concorre com algum topo de linha, mas certeza que é melhor que a maioria dos intermediários do mercado, nacional ou importado. A câmera principal dupla tem dois sensores de, sendo um de 26 mm com abertura f/2.2 e outro com lente teleobjetiva de 500 mm e abertura f/2.6.

Leiam também:  Android 4.3 vaza para o Nexus 4, se você tem um, agora é a hora

Xiaomi Mi A1 dual cameras

As aberturas não são tão boas, porém o trabalho de software é excelente. Ele trás um modo retrato nativo que consegue desfocar o fundo como poucos topos de linha conseguem. Fotos durante o dia são de excelente qualidade com um belo contraste e alcance dinâmico. Achou pouco?

Então escuta essa: após instalar a câmera do Google com HDR+, os resultados melhoram muito, ficando muito, mas muito acima da média. Inclusive o modo retrato, tão eloagiado do Google Pixel, consegue no Mi A1 praticamente o mesmo resultado. Veja como instalar aqui.

3 – Acabamento e construção

Ele possui uma construção de topo de linha. Lembra inclusive aparelhos mais caros com o OnePlus 5. Tem um corpo inteiro de metal escovado super resistente. A tela possui ainda cantos 2,5D que melhora a resistência.

5 – Preço

O principal é o preço. Custando atualmente cerca de R$ 700 (somente usando o nosso link e cupom) ele é uma excelente opção de compra. Ao comprar o Xiaomi Mi A1 você terá um aparelho com bom hardware e desempenho. Confiram os links abaixo:

Comprar o Xiaomi Mi A1

Xiaomi Mi A1 Vermelho por R$ 719 (CUPOM: hsa1gb )

Xiaomi Mi A1 Preto por R$ 739

Xiaomi Mi A1 Dourado por R$ 739 

 

materia completa