Qual a sua relação com a atual tendência da computação em nuvem (cloud computing)? Você é 100% a favor ou 100% averso a ela? Ou quem sabe você usa a nuvem com cautela?

Parece que uma figura proeminente da tecnologia, Steve Wozniak – Woz para os íntimos, não é muito a favor. Apesar de aparentemente estar jogando já que a empresa que ele ajudou a fundar junto com Steve Jobs, a Apple Inc, que esta investindo pesado no iCloud.

De fato a declaração dele deve ter feito muitos revirarem seus olhos dentro do centro de comando da empresa em Cupertino. Mas Woz é bem chegado em falar o que pensa. E olha que ele até tem um telefone Android (claro entre os muitos que ele deve ter) que ganhou do Google e fala algumas coisas boas dele!

Mas voltando a nuvem. Woz acha que essa tendência é horrivel, que você perderá totalmente o controle dos seus arquivos. E essa perda de controle trará, quem sabe, a uma perda de privacidade. Segundo ele na nuvem “nada te pertence. Gosto de sentir que as coisas são minhas. Muitos dizem, ‘Ah, está tudo no meu computador’, mas quanto mais a gente se transfere para a web, para a nuvem, menos controla esses dados”, afirmou.

Alguns podem dizer que o Woz ficou louco, que ele pensa muito na década de 70. Antigamente você iria até uma loja e compraria o software, que costumava vir numa caixa, com uma mídia de distribuição fosse ela disquetes ou CDs, além de um monte de papel – manuais e a licença de uso. Você tinha a nítida impressão de ter comprado algo. Mas isso gera custos.

Hoje é tudo mais barato. Você passa na loja de aplicativos e faz um download. Paga com cartão de crédito. Olha, você nem pôs a mão no bolso para pegar a sua carteira. Ainda não, mas vai! E o que você possui? Não é esquisito você ter pego um valor por um produto e não ter nada nas mãos?

É bem esquisito mesmo você deixar toda a sua vida onde você não tem controle. Tipo: uma coisa é você perder o seu celular cheio de fotos que nem nunca deveriam ter sido feitas em primeiro lugar. Outra coisa bem diferente é você subir essas fotos para um armazenamento na nuvem e achar que esta seguro. Daí acontece um problema de “vazamento de senhas” ou de permissões e as suas fotos e de milhares de outras pessoas “caem na rede”. Não só fotos, mas e se o balancete financeiro da sua empresa cair na rede? E se o planejamento estratégico da sua empresa vazar? Você vai pedir ajuda para quem, pro Bátima?

Acredito, assim como Woz, que provedores de infraestrutura de nuvem não estão assim tão engajados na segurança dos seus dados, apesar de todo o discurso de estarem. E mesmo que estejam, erros acontecem. Qual a chance de você conseguir a reparação por um dano causado pelo vazamento de informações suas se você usa um provedor de infraestrutura de nuvem que nem sede no Brasil tem?

Também acredito que muita gente hoje acha que só porque esta no computador com a minha senha então esta tudo bem. Não gente, não é assim. Você é que é o responsável pela segurança dos seus arquivos. Ou você acha certo colocar uma raposa para cuidar de um galinheiro?

Para Woz os próximos cinco anos serão horríveis. Muitas coisas dessas poderão acontecer. Muita gente vai se prejudicar. Eu fico com uma analogia aeronáutica: dentro de algumas nuvens é que estão as piores turbulências.

E você. Qual seu grau de dependência da nuvem hoje? Você já colocou toda a sua vida lá? Ou só a usa como backup pro seu pendrive? Deixe ai a sua opinião.

FONTE

3 Comentários

  1. Não confio…o próprio iCloud foi invadido recentemente….e acessar arquivos com a nossa3G medíocre é dureza…..so da com wi fi

  2. Como você mesmo citou: "… dentro de algumas nuvens é que estão as piores turbulências." Não confio de jeito nenhum (já não confio muito no meu note, imagina nas "nuvens"…).

  3. A "computação em nuvem" é interessante a depender de como uma pessoa a use…não só a "computação em nuvem", bem como muitas coisas online, não são 100 % seguros (as)…deve-se tem cautela…

Deixe uma resposta