Real Time Analytics
Android, Motorola, Noticias

Moto X Play chega oficialmente por R$ 1.499

Depois do lançamento oficial no mês passado, a Motorola acaba de anunciar o preço do seu mais novo smartphone intermediário premium: R$ 1.499. Esse era mais ou menos o preço que todos esperavam, que na verdade é o preço de quando o Moto X 2014 teve quando começou a vender.

Embora esperado, esse preço não é o que deixa os usuários mais felizes. Afinal, quando o Moto X 2014 foi lançado, ele era praticamente um topo de linha, já o Moto X Play é um smartphone intermediário que possui concorrentes até mais barato do que ele. Mas isso de modo alguma tira os méritos do X Play. Embora ele tenha um hardware intermediário, ele vem com alguns extras que talvez justifiquem a compra dele.

Bateria do Moto X Play

Para começar, ele tem uma super bateria de 3.630 mAh e a tecnologia de carregamento Turbo da Motorola. Ele um pouco que seguiu os passos do Moto Maxx, dentro de sua categoria ele possui disparadamente a melhor bateria. Segundo a Motorola, o aparelho entrega uma bateria 42% maior que a do Galaxy S6 e dois dias de uso com apenas um carregamento. Com 15 minutos de carregamento, ele já tem 8 horas a mais de uso.

Câmera do Moto X Play

Outro destaque é sua câmera de 21 MP que possui um dos melhores sensores da atualidade. Com abertura de f/2.0 ele consegue tirar excelentes fotos mesmo em ambientes mais escuros. Além disso ele grava vídeos em full HD.

Tela do Moto X Play

Ele tem uma generosa tela de 5,5 polegadas com resolução HD. A novidade é que a Motorola abandonou o uso do AMOLED como nas versões anteriores e optou por uma de TFT. Claro que não é uma tela comum, pois o pouco que fiquei com ela percebi a mesma vivacidade do AMOLED mas as cores fiéis como acontece com as de IPS. No review completo teremos mais detalhes sobre isso

Leiam também:  Marca ZUK está chegando ao fim

Hardware do Moto X Play

Uma das maiores reclamações por parte dos usuários é justamente o processador que a Motorola escolheu. Embora ele não seja ruim, ele é de uma categoria intermediária já o Moto X 2014 tinha um processador de alta perfomance. O escolhido foi um Snapdragon 615, e não a linha 800 que é superior. A Motorola fez um downgrade, já que o processador do anterior é melhor, embora os celulares custam exatamente a mesma coisa durante o lançamento. Ele vem com 2 GB de RAM para completar o pacote.

Vale lembrar que ele é compatível com o Moto Maker, ou seja, o usuário consegue combinar várias cores diferentes ao seu gosto.

Opções de core do Moto X Play.
Opções de core do Moto X Play.

Custando R$ 1.499 a Motorola arriscou, já que agora ele não tem o mesmo custo x beneficio do anterior, podemos dizer que ele tem o preço da concorrência. Há competidores de peso nessa faixa de preço ou mais barato, principalmente os do ano passado como LG G3, Galaxy S5, o Xperia Z3 em alguma promoção e até mesmo o Moto X 2014. Há também os recém chegados como o Xperia M4 Aqua que compartilha o mesmo hardeware, porém com câmera e bateria pior.

Mas isso é preço de lançamento, quando o preço diminuir daqui há alguns meses ele semdúvida será uma excelente opção.

 

Noticias

Vaio lança notebooks premium no Brasil

A VAIO anuncia novidades em sua Loja On-line que vão fazer brilhar os olhos de quem ama tecnologia. Chegam ao mercado os…

A VAIO anuncia novidades em sua Loja On-line que vão fazer brilhar os olhos de quem ama tecnologia. Chegam ao mercado os notebooks VAIO® S11 e VAIO® S13, desenvolvidos no Japão e fabricados no Brasil, e que levam mobilidade e facilidade para a vida de usuários de diversos gostos e perfis. Os novos notebooks abusam das cores e são ótimas opções para quem procura inovação, portabilidade e alto desempenho para atividades profissionais e momentos de lazer.

vaio s11 2

Com apenas 840kg, o VAIO S11 é considerado um dos modelos mais finos e leves do mercado, desenvolvido em carbono e alumínio. Quando o assunto é sofisticação e praticidade, o notebook se destaca por combinar um design requintado com uma configuração robusta e potente. Vem com tela de 11,6″ Widescreen antirreflexiva, com resolução Full HD de 1920 x 1080 pixels, Windows 10, processador Intel Core i5 de 2.50Ghz, SSD de 256GB e memória RAM de 8GB. Disponível na cor marrom, o VAIO S11 tem touchpad e teclado retroiluminado e silenciosos, além de fingerprint para maior segurança da informação. O S11 chega ao mercado com preços a partir de R$ 8.999.

VAIO S13 2

Outra grande novidade para o mês de fevereiro é o VAIO S13, com acabamento preto ou prata. O novo notebook apresenta capacidade de armazenamento para atividades de alto desempenho, com SSD de 256GB e memória RAM de 8GB, além de processador Intel Core i7 de 2.70Ghz e sistema Windows 10 de fábrica. O VAIO S13 sai na frente quando o assunto é qualidade de imagem e vídeos, graças à tela de 13,3″ Widescreen, também com resolução Full HD. Seu teclado silencioso, aliado ao backlight das teclas, permite digitar tranquilamente a qualquer momento do dia. O notebook também possui fingerprint e é projetado em liga de magnésio e alumínio, que garante resistência máxima. O VAIO S13 está à venda a partir de R$ 9.999.

Leiam também:  Samsung Galaxy Note 2 é muito caro!

Para mais informações sobre as novidades VAIO, acesse http://loja.br.vaio.com/.

materia completa
Android, Samsung

Galaxy S8 e S8+ começa a receber o Android 8.0 Oreo

A Samsung normalmente começa a testar uma versão nova do Android com alguns beta testers, no caso do S8 começou…

A Samsung normalmente começa a testar uma versão nova do Android com alguns beta testers, no caso do S8 começou em Novembro. Passando a fase de testes, finalmente os usuários começam aos poucos a receber a atualização para o Android 8.0 Oreo.

O site especializado em Samsung, o SamMobile, avisa que os beta tester do Oreo para S8 já começaram a receber a atualização final. Passada essa fase, que deve ser rápida, os usuários de forma geral começarão a finalmente terem seus smartphones atualizados.

Mas antes de correr lá em configurações para atualizar seu aparelho, saiba o seguinte: como sempre a atualização é aos poucos de país em país. E, infelizmente, o Brasil costuma ficar no fim da lista.

A grande novidade que virá junto com o Android 8.0 Orei é a nova interface da Samsung. A Samsung Experience 9.0 chega com várias funcionalidades presentes no Oreo. Fazem parte disso a nova central de notificações; melhor gerenciamente da multitarefa, principalmente fechando apps sedentos de RAM que ficam em segundo plano; notificações que surgem ao pressionar e segurar algum ícone; melhorias no Always On Display, novos emojis; e por aí vai.

Usuários da geração passada ainda terão que esperar um pouco. S7 e S7 Edge já está em fase de testes, mas pela lógica depois irá para os beta testers só então para os usuários comuns, ou seja, ainda vai demorar.

Leiam também:  Xperia arc S: Agora com processador de 1,4GHz, dual core? não dessa vez
materia completa
Noticias

Celular causa câncer? Teoricamente não. Mas ideia não é descartada.

Com certeza você já ouvir que usar celular demasiadamente causa câncer devido a radiação emitida pelo mesmo. Desde a década passada estudos…

Com certeza você já ouvir que usar celular demasiadamente causa câncer devido a radiação emitida pelo mesmo. Desde a década passada estudos são feitos em cima dessa questão, mas resultados são sempre contraditórios. Essa semana uma nova conclusão preliminar mostrou que não há motivos para temer. Entenda abaixo.

O NTP (Programa Nacional de Toxicologia) do departamento de saúde e serviços humanos dos EUA, divulgou seus resultados preliminares este mês envolvendo um estudo sobre a radiação emitida pelos celulares. Eles causam câncer? “Vimos efeitos positivos e negativos” em ratos e camundongos, diz o pesquisador sênior John Bucher — mas nada definitivo, ou que possa ser aplicado diretamente para humanos.

Foram feitos dois estudos envolvendo ratos e camundongos. Eles foram submetidos de 10 em 10 minutos, durante 9 horas por dia a exposição direta da rádiofrequência, a mesma emitida por celulares. Os testes duravam durante toda a vida dos animais, que normalmente é algo entre 2 anos.

celular cancer

Os ratos foram expostos a radiação entre 1,5 e 6 watts por quilograma de peso corporal. Enquanto isso, os camundongos receberam de 2,5 a 10 W/kg. A quantidade máxima de exposição permitida para humanos é de 1,5 W/kg. Ou seja, eles receberam doses de radiação bem acima do permitido a humanos.

Bucher explica esse excesso: “Essas descobertas não devem ser diretamente extrapoladas para o uso humano de celulares”, diz ele em comunicado.

Quanto aos resultados, digámos que foram surpreendentes e preocupantes. Os Ratos machos expostos aos níveis mais altos de radiação tiveram maior incidência de tumores malignos no tecido que cobre os nervos no coração. Isso não se aplica para as fêmeas, nem para os camundongos.

Os ratos machos e fêmeas expostos à radiação tinham maior propensão à cardiomiopatia, doença que causa danos ao tecido cardíaco. No entanto, os camundongos não foram afetados.

Leiam também:  Vivo também lança voz sobre 4G (VoLTE)

Além disso, ratos e camundongos expostos à radiação desenvolveram mais tumores no cérebro, próstata, fígado, pâncreas, glândula pituitária e glândula adrenal. Os pesquisadores não conseguiram concluir se a radiação era responsável.

Os filhotes de ratos nasceram com peso mais baixo quando suas mães eram expostas a altos níveis de radiação durante a gravidez. No entanto, eles cresciam até o tamanho normal.

E curiosamente, os ratos expostos à radiação viviam mais tempo do que os outros no grupo de controle. Talvez a radiação reduza a inflamação, ou talvez seja apenas uma coincidência.

O que esses resultados significam?

Na realidade Bucher concluiu que os resultados não agregaram muito ao que se sabia anteriormente, de que os celulares não causam câncer. Ele mesmo diz que “não alterei a maneira como uso o celular”.

Ou seja, embora os resultados com os ratos e camundongos mostrou que a radiação alterou a vida deles, ainda não dá para levar isso aos humanos, não é conclusivo, pelo menos por enquanto.

Otis Brawley, diretor médico e científico da American Cancer Society, concorda com o doutor Bucher. Ele diz que a ligação entre o uso de celulares e câncer é muito fraca. Até agora, não há prova de que isso aconteça.  De qualquer modo ele diz: “Se você está preocupado com esses dados sobre animais, use um fone de ouvido.”

Jeffrey Shuren, da FDA, diz em comunicado que “os limites atuais de segurança para a radiação celular permanecem aceitáveis para proteger a saúde pública”. Ele acrescenta: “mesmo com o uso diário frequente pela grande maioria dos adultos, não vimos um aumento em tumores cerebrais”.

Mas os resultados são preliminares. O mesmo relatório acima sobre os ratos e camundogos, agora serão analisados por outros cientistas de fora do NTP no final de março. Eles podem dar resultados com mais detalhes.

Leiam também:  Marca ZUK está chegando ao fim

Via Tecnoblog com informações LA TimesWashington Post.

materia completa
Android, Samsung

Samsung apresenta Galaxy A8 e A8+ a partir de R$ 2.399

A Samsung anunciou (6) os modelos Galaxy A8 e o A8+ para o mercado brasileiro, anunciados em Dezembro lá fora….

A Samsung anunciou (6) os modelos Galaxy A8 e o A8+ para o mercado brasileiro, anunciados em Dezembro lá fora. Com visual mais próximo do Galaxy S9 que ainda não foi lançado, eles elevam o padrão e se tornam smartphones premium na construção e no preço. A grande novidade é a câmera frontal dupla.

A principal diferença entre os dois modelos é o tamanho da tela. O Galaxy A8 possui display AMOLED de 5,6 polegadas e resolução de 2220×1080 pixels; no Galaxy A8+, o tamanho sobe para 6 polegadas, mantendo a resolução. As bordas são bem finas, no que a Samsung chama de “display infinito”. Porém não tem a função Edge como a linha S. Na verdade, achei as bordas grandes se comparada com a linha S e Note, sendo assim, não acho que caberia o nome infinity display. O leitor de digitais fica na traseira, abaixo da câmera.

galaxy a8 a8+ traseira

A câmera frontal tem sensores de 16 e 8 megapixels, com lente de abertura f/1,9. O legal é que dá para tirar boas selfies com efeito bokeh, o famoso fundo desfocado. Além disso ela trás a função foco seletivo presente desde o Galaxy S6. Nele é possível escolher o foco depois de tirar a foto. Já a câmera traseira tem resolução de 16 megapixels e lente de abertura f/1,7, com estabilização digital para vídeos.

Por dentro, temos um processador octa-core Exynos 7885 com dois núcleos de alto desempenho de 2,2 GHz e seis núcleos de baixa potência de 1,6 GHz. Completam o conjunto a bateria de 3.000 mAh (A8) ou 3.500 mAh (A8+), a RAM de 4 GB e os 64 GB de armazenamento, que podem ser expandidos com um microSD (lá fora, existe uma versão de 32 GB, que não será comercializada no Brasil).

Leiam também:  Review do Sony Xperia Z1, super hardware, TV e a prova d'agua

A Samsung frisou que se tratam de aparelhos premium, ou seja, subiram de nível. Mas o preço também, e muito. No Brasil, os aparelhos estarão disponíveis a partir desta terça-feira (6) nas cores preto, dourado e ametista, com Android 7.1.1 Nougat e preço sugerido de R$ 2.399 para o Galaxy A8 e R$ 2.699 para o Galaxy A8+.

materia completa