Bits

Confuso em relação ao tamanho do seu HD? O vendedor te disse que era de 500GB mas o Windows só mostra 465 GB ? E sua conexão? Assinou o plano de 2 Mega mas o download só  vem a 250 kBps ? Tekimobile está aqui para te socorrer!

A confusão acontece por estarmos acostumados a unidades de medida decimais, como distâncias, massa e peso. Todos os múltiplos são em base de 10, para fazer a conversão, basta multiplicar ou dividir por 10. Já em relação ao tempo, temos as bases de 60, onde 1 minuto equivale a 60 segundos, e uma hora equivale a 60 minutos. Assim, uma hora equivale a 3600 segundos.

Já para unidade de gravação de dados, temos duas unidades principais: o bit e o byte. O bit é a unidade primária de dados: ele pode ter dois valores, 0 ou 1. Para escrever o número 2, por exemplo, em binário, temos que utilizar a próxima casa, e no caso, ele teria o valor 10. Para convertermos um número decimal para um binário, temos que usar um recurso chamado divisão sucessiva, onde dividimos o número a ser convertido por 2 sucessivamente, até a divisão terminar no número 1 (o dividendo sendo 2 ou 3). Um exemplo, aqui:

Um byte é um conjunto de 8 bits. Com 8 bits, conseguimos escrever números de 0 a 255. Com isso, foi criada uma tabela, chamada de ASC II, onde cada caracter têm um número correspondente. Desta maneira, o computador consegue transformar uma letra ou número em um conjunto de 0´s e 1´s, para serem processados pela CPU.

Isto explica a diferença de velocidade entre o anunciado pelas provedoras de serviços e a velocidade dos downloads que efetuamos. A operadora anuncia seu plano em Mega Bits, já o Windows mostra o download em Kilo Bytes. Portanto, para saber a velocidade em kBps de um plano, é só dividir o plano anunciado por 8. Meu plano de internet da Tim oferece acesso a 300kbps; logo, o meu download é feito a 37.5 kBps. Atentem a diferença entre a letra minúscula (bit) e a maiúscula (byte).

Mas, o que explica a diferença de tamanho dos HD´s ?

Esta é um pouco mais legal. Como os bytes utilizam a base binária (2), para conversão de unidades, foi utilizada a base de dois que mais se aproximava de 1000. Esta base é o 210, que resulta no número 1024. Portanto, um HD de 500GB, na verdade, contém 500.000.000.000 bytes. Divindo este número, 3 vezes, por 1024 (quilo mega giga), temos o resultado de 465,66 GB, que é exatamente o que o Windows mostra como volume total. Ou seja, um puro truque de marketing ;)

Últimos comentários
  1. Franco.ssp 27/09/2010
  2. Irley 28/09/2010

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Real Time Web 

Analytics