Web Analytics

Android Oreo (Go Edition): feito para smartphones baratos e fracos

Android Oreo (Go Edition): feito para smartphones baratos e fracos

Nem todos precisam de celulares poderosos. Um simples capaz de acessar internet e Whatsaspp está bom. Mas o Android não é otimizado para isso, tornando aparelhos com hardware fraco lentos. Mas o Google anunciou o Android Oreo Go Edition, justamente para smartphones mais fracos.

Android Oreo (Go Edition): feito para hardware limitado

O Android Oreo (Go Edition) é uma versão simplificada do Android normal. Ele é capaz de desativar funcões e otimizar outras para economizar processamento e, principalmente, memória RAM. Com isso ele entrega uma experiência mais fluida e rápida, mesmo quando o smartphones tem sérias limitações de hardware. Segundo o Google, eles pretendem rodar o Android Oreo (Go Edition) até mesmo em hardware com 512 MB de RAM.

A versão otimizada Android Oreo (Go Edition) promete abrir apps em uma velocidade até 15% maior em relação à versão original, aplicando os limites nos lugares certos para “lubrificar as engrenagens” e fazer o sistema inteiro rodar mais liso.

Além disso, ocupa 50% menos espaço do que a instalação padrão do Android Nougat.

A base para a construção do Android Oreo (Go Edition) está inteiramente em serviços da Google: Google Assistant Go, YouTube Go, Google Maps Go, Gmail Go, Gboard e o Files GO, já lançados pela Google. Esses apps são mais leves do que os originais, naturalmente.

Ademais, o conjunto também tem um grande foco em economia de dados, carregando apenas imagens cruciais e dados vitais para o funcionamento dos aplicativos. Com o recurso Data Saver, inclusive, Google promete economizar até 600 MB por ano, uma grande diferença em países emergentes.

Comentários

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0